Comentário: As “Cinco Consistências” ajudam os BRICS a se manterem no caminho certo

“Estamos todos no mesmo barco. Quando o vento está forte e as marés estão altas, temos que entrar no caminho certo e acelerar juntos. […]“Esta declaração veio do líder chinês Xi Jinping em seu discurso em vídeo na 12ª Cúpula do BRICS. Na ocasião, ele apresentou os“ Cinco Padrões ”para os Estados membros do BRICS promoverem a cooperação no combate à epidemia.

No momento, mudanças globais sem precedentes em um século estão cobrindo a epidemia, o que levou a um aumento nos déficits de governança, confiança, desenvolvimento e paz mundial. Alguns dos chamados “desbotamentos do BRICS” na mídia ocidental alegaram que os BRICS estavam tentando influenciar a confiança na máquina cooperativa.

Em resposta, Xi Jinping disse que hoje o tema da paz e do desenvolvimento não mudou e que a tendência para a multipolização e a globalização econômica é irreversível. Esta resolução é uma garantia para fortalecer a cooperação entre os Estados membros do BRICS.

Então, como a cooperação deve ser fortalecida no novo ambiente? Xi Jinping se propõe a aderir a vários preconceitos, solidariedade, cooperação, abertura e inovação, priorizando a subsistência da população, o desenvolvimento verde e de baixo carbono, bem como a oposição à arbitrariedade, estigma e protecionismo.

Alguns políticos americanos aproveitam a epidemia para praticar intimidação arbitrária e “jurisdição de braço longo”, interferindo nos assuntos internos de outros países e violando os direitos e interesses legítimos dos mercados em desenvolvimento e dos países em desenvolvimento. Xi Jinping enfatizou que os países do BRICS devem salvaguardar a equidade e a justiça internacionais e criar um ambiente de desenvolvimento pacífico e sustentável.

Desde o surto, alguns políticos americanos politizaram a epidemia tanto quanto possível para escapar de suas responsabilidades e minar a cooperação global na luta contra o COVID-19. Em resposta, Xi Jinping propôs que as diferenças fossem substituídas pela unidade, eliminando o partidarismo contra a racionalidade e acabando com o “vírus político”.

READ  Vacina Oxford contra o coronavírus: a aposta do governo de Bolsonaro contra o Kovid-19 tem resultados encorajadores para os idosos

O Fundo Monetário Internacional (FMI), afetado pela epidemia e outros fatores, prevê que a economia global possa encolher 4,4% neste ano e que os países em desenvolvimento e em desenvolvimento terão o primeiro crescimento negativo em 60 anos.

Em seu discurso, Xi Jinping fez um apelo ao fortalecimento da cooperação na volátil estrutura da economia mundial aberta e das inovações científicas e tecnológicas, anunciando que os BRICS estão estabelecendo uma base de inovação para a parceria com a nova revolução industrial em Xiamen. Essa prática não apenas ajudará os países membros do BRICS a alcançar um desenvolvimento mais resiliente e de alta qualidade, mas também dará um novo impulso à recuperação e ao desenvolvimento da economia mundial.

Tradução: Andre Hu

Resenha: Gabriela Nassimento

More from Benjamim Andrade

Trump acusou a Pfizer de atrasar a notícia da vacina para prejudicá-lo

H.Hoje, Trump deveria dar uma entrevista coletiva para anunciar uma redução nos...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *