Adhemar Ferreira da Silva foi homenageado pelo Mundial de Atletismo

O bicampeão olímpico Adhemar Ferreira da Silva será o único atleta sul-americano a ser reconhecido como Patrimônio Mundial Atletismo Mundial, Homenagem criada pelo Departamento de Legado da entidade que dirige o esporte.

Ele disse: “Em 2018, esta homenagem foi criada para homenagear aqueles que fizeram a história do atletismo em todo o mundo, e o Brasil é o único país da América do Sul a ganhar essa homenagem.” Agência Brasil Presidente da Consuldatle (Federação Sul-Americana de Atletismo) e membro da Atletismo MundialHelio Gesta.

Adele Silva, filha de bicampeão olímpico, comemora Atletismo Mundial Ela lamenta que os brasileiros não respeitem a herança do pai falecido em 2001. “É sempre bom, no meu caso, homenagear meu pai, no caso do meu filho, o avô dele. Mesmo de fora do Brasil esses sinais de respeito e carinho são muito importantes. Estamos felizes mesmo sabendo que o Brasil não respeita A história do meu pai … Ele conquistou tudo o que fez em uma época em que, ser um atleta olímpico, ser um amador, ser praticamente uma vida espartana, é uma façanha incrível. ” Agência Brasil.

Segundo Helio Gesta, a placa em homenagem à medalha de ouro brasileira nos Jogos de 1952, em Helsinque (Finlândia), e a partir de 1956, em Melbourne (Austrália), no salto triplo, deverá ser instalada no Centro Esportivo Tietê, em São Paulo, em dezembro A partir desse ano. Foi lá que o Clube Tietê atuou, com Adhemar batendo o primeiro em cinco recordes da carreira. Em 3 de dezembro de 1950, o ex-atleta saltou 16 metros (igual à distância saltada pelo japonês Naoto Tajima).

Na última reunião individual com Atletismo MundialEm março, me pediram para trazer a placa que já estava pronta. Ela está comigo na minha residência em Manaus. A ideia era instalá-lo em março, após a Federação Brasileira de Atletismo (CBAt) e assembleias consulares, mas a pandemia do COVID-19 acabou mudando tudo. Helio Gesta explicou que nosso plano agora é formalizar a homenagem no final deste ano.

READ  Sergio elogia Felipe Anderson e a qualidade das divisões menores: ″ Não me esqueço ... ″

Além do patrimônio mundial Atletismo Mundial, O Trio será consagrado este ano ao entrar no Hall da Fama do COB (Comitê Olímpico Brasileiro).

Atletas históricos, como Jesse Owens, Emile Zatopek, Paavo Normi, Fanny Blankers-Queen e Abby Bequila, e competições como a Maratona de Boston, Ben Relais e o monumento Memorial Van Damme, já estão na lista dos detentores da maior entidade esportiva.

O técnico alemão também é homenageado

O alemão Dietrich Gerner, o grande técnico do bicampeão olímpico, também será homenageado. Ele foi escolhido por ser considerado a “primeira lenda” entre os treinadores sul-americanos.

A tradicional corrida internacional de São Silvestre também será homenageada por seu significado histórico. O conflito, que surgiu em 1925, atingiu 30.000 participantes e fica a 15 km de distância. O prêmio será concedido à Fundação Cásper Líbero, detentora dos direitos do evento.

Written By
More from Mara Martins

O Football Leaks deu uma “contribuição positiva” ao futebol

CEspero que sim ”, disse Alexandre Godinho, em resposta ao questionamento da...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *