Resumo da novela “Os Dez Mandamentos” – quinta-feira, dia 12/07

0
(Foto: Reprodução/Record)

Confira o resumo da novela “Os Dez Mandamentos” de quinta-feira, dia 12 de Julho, que está programado para ser exibido a partir de 19h45, na Record TV.

Resumo do capítulo 254 da novela  “Os Dez Mandamentos” de quinta-feira, 12/07/2018

Deus ordena a Moisés que o povo se afaste da tenda de Corá. Moisés e Arão veem o povo se dividir. Alguns seguem Corá, outros permanecem no local. Moisés declara que todos vão saber que tudo que foi feito é obra do Senhor e não dele. Toda a congregação reunida diante do tabernáculo. Moisés aponta na direção das tendas de Corá, Datã e Abirão e diz que se a terra se abrir e os engolir com tudo que possuem, todos saberão que eles desprezam ao Senhor. O chão começa a tremer e objetos caem, pessoas correm apavoradas. Uma fenda enorme começa a se abrir como se tivesse sendo rasgada, até chegar aos pés de Corá, Datã e Abirão. Todos congelam de medo e Corá grita desesperado, caído e agarrado a esposa. Os demais vão sendo engolidos pela terra, em meio a gritos de pânico. Os duzentos e cinquenta homens que estavam do lado de Corá na rebelião ficam impactados e assustados com o que presenciaram. A nuvem de fogo que pairava sobre o tabernáculo começa a se agitar e crescer. Ela mata os revoltosos, que tentam correr, inutilmente. Elda conversa com Cosby, com um certo carinho, diz que a menina puxou a beleza do pai. Zur diz que a irmã tem prazer em ver Betânia sofrer e o que resta para ela é apenas ninar a filha de sua maior rival, pois seu ventre é seco. Corá, Datã, Abirão e os duzentos e cinquenta homens estão mortos no chão. Moisés, Arão e toda a congregação ficam chocados. Siloé diz a Leila que a vê como uma segunda mãe para Baraquias e ela se emociona com o menino nos braços. Deus chama por Moisés e pede que ele fale com os líderes das doze tribos, pois Ele fará cessar as murmurações dos filhos de Israel. Jaque dá a notícia que está grávida. Arão e Moisés seguram um pote de ouro. O maná começa a cair do céu. Eles abrem a arca e colocam em seu interior o pote de ouro com o maná. Moisés, envelhecido, escreve nas tabuletas. Hur e Miriã estão mortos. Trinta e oito se passaram e as crianças já são adultos e formam suas próprias famílias. Simut e Jerusa olham felizes para seus filhos, casados e com os seus próprios herdeiros. Deborah e Bezalel com seus filhos, Eli e Rebecca, e também com as cinco filhas de Zelofeade e Abigail, que já não estão entre eles. Arão procura Moisés e anuncia que Natan acaba de chegar. Moisés e Zípora, depois de anos, encontram Natan.Emocionados, Zípora e Moisés abraçam Natan. O rapaz apresenta sua família e diz ter muito o que contar. Lemuel passa mal e desmaia. Leila se desespera. O rei Balaque nega o pedido de Betânia de trazer Cosby de volta ao palácio. Natan conta que ficou com os filhos de Adira, mas foi enganado por Corá. Zípora avisa que Corá morreu. Natan conclui dizendo que encontrou Adira em Hesbom, mas foi obrigado a fugir. Lemuel pressente sua morte e diz que não quer morer antes de ver seu filho Baraquias. Lemuel, à beira da morte, conta a Baraquias que ele é filho de Leila. O libertador pede ao sobrinho para reunir o exército, pois já se passaram 40 anos e logo Deus mandará avançar. Moisés avisa que irá enterrar os ossos de Jetro em Midiã. Antes de morrer, Lemuel recebe o perdão de Leila. Gahiji se mostra confiante na busca por Leila. Em conversa com Oren, Adira diz que não vai desistir de procurar por Haya e Abner. Elda recebe a notícia que todos os filhos de Balaque caíram doentes. Moisés parte para Midiã com Zípora e sua família. Josué e Arão ficam para tomarem conta do acampamento. Algum tempo se passa e a família de Moisés, em Midiã, confraterniza em volta da fogueira. Moisés enterra os ossos de Jetro. Moisés e os familiares se emocionam ao chegarem na frente da casa de Jetro, em Midiã. Um grande ritual é realizado na sala do trono. Sacerdotisas dançam sensualmente e uma em especial está ao centro. Balaque e Elda olham satisfeitos. Emma avisa à Betânia que Cosby está no palácio. O ritual termina e a sacerdotisa que está ao centro é Cosby. Betânia chega para abraçar a filha, mas não é recebida com o mesmo entusiasmo. Algum tempo se passa. Balaque se apavora ao descobrir que seus filhos estão mortos. Ele se apavora e lembra que a palavra de Balaão se cumpriu. Cosby chega e corre para abraçar o pai. O rei diz que essa maldição tem que ter fim, e Zur diz que Balaão está cada vez mais poderoso, sendo procurado por todos os reis da região. Josué e Eleazar ficam preocupados ao saberem que o povo está murmurando. Uma nuvem em cima do tabernáculo vira fogo e Deus fala com eles. O Senhor diz para Moisés falar com a rocha, que dela sairá água. Moisés, em um momento de raiva, bate a ponta do cajado duas vezes com força na rocha e a água jorra por ela. O povo fica feliz e corre para se saciar. Deus chama por Moisés e pergunta porque ele bateu na rocha, se era para apenas falar com ela.

O conteúdo do resumo de “Os Dez Mandamentos” é de responsabilidade da emissora, de modo que o Giro na TV se isenta de qualquer mudança realizada na edição do capítulo.

Deixe um comentário